sexta-feira, 8 de abril de 2011



Eu não nasci para ser aceita...
Tampouco para ser compreendida.

Nasci para ser amada!
Simples assim...


 Lígia Guerra

Um comentário:

  1. Pra quê ser compreendida né?
    Amor já está me bastando.
    Beijos.

    ResponderExcluir