segunda-feira, 27 de junho de 2011

As palavras me abençoam.



Amo esse cheiro de poesia. Amo vir aqui me purificar, me energizar, tirar do corpo e da alma o asco, o ar pesado que adquiro com as gentes que vivem sem a poesia, sem os livros, sem cultura, sem a magia das palavras bem escritas, benditas.
Pessoas que passam pela vida sem viver. 
Meu Deus o quão pobre é a vida sem poesia, sem as palavras.

Eu não vivo sem as palavras. E fico agoniada quando elas não vem ao meu encontro.
É como se o dia não tivesse existido.

Oxalá me abençoe.


3 comentários:

  1. Perfeito, uma poesia feita, um dia ganho.

    ResponderExcluir
  2. Passando para desejar uma linda e abençoada semana, beijoss.

    Tata
    tataplavrasaovento.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Lindo!
    eu sei como vc se sente.
    Um beijo do observador.

    ResponderExcluir